Lipoaspiração é uma cirurgia de remoção da gordura localizada, ou seja, ela é destinada aquelas pessoas que têm excesso de gordura em áreas específicas do corpo, não sendo deste modo uma cirurgia indicada para aquelas pessoas com problemas como a obesidade, pois seu intuito não é fazer com que se perca peso, mas sim que se modele o corpo. Como os próprios especialistas em cirurgia plástica afirmam a lipoaspiração pode acarretar mudanças na silhueta, porém não na balança.

Camada de gordura retirada na lipo (Foto: Divulgação)

Se a lipo for realizada em pessoas com bastante peso existe uma grande possibilidade de que o corpo fique com uma imagem irregular. Os pacientes também não devem esperar que toda a gordura seja retirada, porque segundo médicos, isso poderia acarretar anemia no paciente, já que quando a gordura é retirada, um tanto de sangue também é aspirado e se em excesso causa o distúrbio.

Tecnologia para lipoaspiração

Para realizar a lipo é utilizado um instrumento chamado de cânula ligado a um aparelho de sucção a vácuo ou mesmo de lipotripsia ultra-sônica, o qual realiza a quebra e a sucção da gordura, que normalmente é localizada na parte inferior as camadas da pele (epiderme e derme) denominada camada subcutânea, ou no interior da cavidade abdominal.

Estas áreas de gordura localizadas podem ser o culote, as coxas, os quadris, costas, nádegas, pescoço, abdômen, panturrilhas e rosto. Se você tiver a intenção de realizar a lipo em mais de uma área de gordura localizada não há problema nenhum em realizar todas as retiradas em um só procedimento.

Como funciona

Na cirurgia é necessária a utilização de anestesia, que dependendo do grau e tamanho da lipoaspiração pode ser local, geral ou bloqueio peridural. A primeira é adequada aos pequenos procedimentos e de curta duração durar. Quando a cirurgia for mais demorada e tiver mais exigências é preciso usar a anestesia geral. E por fim o bloqueio peridural é a anestesia que deixa as áreas de realização da cirurgia insensíveis, porém o paciente fica consciente ou somente com sedação.

A lipo também pode ser associada a outros procedimentos cirúrgicos como a de redução da mama, de estômago ou de tumores de gordura, ou seja, ela é um segundo procedimento nestes casos que serve para modelar estas áreas.

De acordo com os cirurgiões após o primeiro mês da lipo o inchaço (edema) e as manchas roxas na pele (equimoses) devem desaparecer, e no segundo e terceiro mês a pele já deve voltar a ter o mesmo endurecimento de antes. É aconselhável a utilização de cinta elástica durante um mês e meio, além de drenagem linfática para que o resultado seja obtido em menor tempo.

O preço da lipoaspiração também é uma coisa que varia muito, ou por causa do estado em que você pretende realizar a lipo, ou por conta da experiência do médico que vai realizar a cirurgia. É importante lembrar também que lipoaspiração é uma coisa e lipoescultura é outra.

0e Comentários

  1. este site é muito legal…
    ele diz como faz , eo que se faz ma lipoaspiração …. adoreii ,
    akih mais uma brasileira satisfeita obgd ….

  2. Gostei muito da matéria sobre a lipoaspiração.Faço curso de Estética,e as mulheres tem muitas dúvidas a respeito.
    quero me intera do assunto para poder responder com segurança para minhas clientes.Muito obrigada,abraço

    Dorinha

Escreva um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.